NÃO ESTAMOS SOZINHOS. Para aqueles que ainda nutrem esperança em São Vicente.

NÃO ESTAMOS SOZINHOS

Enquanto houver um mínimo de esperança, eu seguirei batalhando a boa luta para mudar esse sistema político. A cada novo dia, novas pessoas que sonham e trabalham por uma São Vicente sustentável estão se conectando. Ainda dá para acreditar, SIM!

13580440_1069003236511018_6642550335712196087_o

Talvez você ainda não me conheça, então vou me apresentar, ok?
Meu nome é Kayo Amado, tenho 25 anos, sou formado em Gestão de Políticas Públicas pela USP, especialista em Ciência Politica pela FESP-SP, Líder na Rede de Ação Política pela Sustentabilidade (RAPS), Dirigente Nacional, Porta-Voz Municipal e ex-Coordenador Executivo Estadual da Rede Sustentabilidade. No ano passado, participei de um programa de intercâmbio entre lideranças políticas nos EUA a convite do Departamento de Estado dos Estados Unidos para conhecer melhor sua Gestão e Política, e sou um Ativista Político pela Sustentabilidade, Transparência, Profissionalização da Gestão Pública e Educação Política!

Sim, estou à disposição para o bom diálogo com a sociedade, como pré-candidato a PREFEITO. Se os bons não ocuparem os espaços públicos de decisão, os maus seguirão nos governando. É tempo de construir de forma colaborativa uma cidade bem melhor. Agradeço a oportunidade de dialogar! Obrigado!

QUEDA DE BRAÇO EM SÃO VICENTE? É IMPORTANTE PONTUAR…

13615332_1066965740048101_6999812431698097794_n

Nessa “Queda de Braço” todos Políticos Tradicionais estão do mesmo lado do jogo – defendendo seus interesses a portas fechadas, enquanto a sociedade vicentina está do outro lado – agonizando.

Os dois citados pelo Jornal A Tribuna e os demais participantes de seus (“des-“)governos que administraram a cidade nesses últimos 20 anos são os reais responsáveis e promotores dessa CRISE em São Vicente. Nunca aceitei e não aceito fazer parte desse jogo, justamente por acreditar numa política melhor.

Enquanto essa disputa política se sobrepor ao diálogo, vai faltar merenda na creche, os salários dos servidores ficarão atrasados, os serviços públicos irão de mal a pior. Esse modo de fazer política já conhecemos: sequestram nosso direito de escolher, nos subjulgam, se colocam como salvadores da pátria.

Enganam-se todos: a real mudança passa por uma gestão transparente, profissional e pela sociedade – passa por todos nós! #OcupeaPolítica